Refrigeração e transporte de frutas e hortaliças | Blog - Termoprol - Tecnologia em refrigeração Whatsapp

Refrigeração e transporte de frutas e hortaliças

Os cuidados no transporte de alimentos são fundamentais para assegurar a qualidade dos produtos até chegar à mesa do consumidor final, especialmente quando se trata do transporte de frutas e hortaliças, que exige temperatura e condições de refrigeração específicas.

Desde o momento em que são removidas da planta, as frutas e hortaliças continuam a respirar e transpirar, necessitando de água e nutrientes. Desta forma, passam a consumir as reservas energéticas acumuladas no campo, e quanto maior a temperatura do ambiente, maior será o consumo da reserva de nutrientes, causando a morte do vegetal, comprometendo sua qualidade.

Diante disso, é necessário que as frutas e hortaliças sejam refrigeradas, pois em baixas temperaturas a atividade biológica do vegetal reduz, diminuindo a perda de água e consequentemente, retardando o processo de maturação. Sendo assim, a refrigeração durante o transporte do alimento torna-se fator determinante para sua conservação, evitando perdas, desperdícios e prejuízos.

Assim como o processo de cura de queijos, no armazenamento de frutas e hortaliças três variáveis devem ser levadas em consideração: condições de temperatura, umidade e velocidade de circulação do ar.

A temperatura é a maior responsável pelo sucesso na conservação destes alimentos. Para atingir melhores resultados na conservação, é preciso que a temperatura não sofra flutuações no interior da câmara fria, pois variações entre 1ºC ou 2ºC acima ou abaixo da temperatura ideal podem ser altamente prejudiciais à qualidade do vegetal. Além disso, recomenda-se que para cada fruta e hortaliça a temperatura seja mantida desde a propriedade rural até a comercialização em pontos de venda, sem interromper a cadeia do frio, mantendo a qualidade do produto.

A umidade relativa do ar também pode afetar a qualidade do produto caso não seja controlada. Se for muito baixa, resulta na desidratação da fruta/hortaliça, deixando o vegetal murcho. Muito alta, pode trazer problemas com maturação excessiva. Geralmente para frutas e hortaliças é recomendado alta umidade relativa de ar, em torno de 90 a 95% no interior da câmara.

Outro fator importante para assegurar a qualidade final do produto é o empilhamento correto das frutas e hortaliças na câmara fria, sem bloquear apassagem de ar.

Pensando em todas as variáveis que possam comprometer a qualidade do produto final, a Termoprol desenvolveu maquinários exclusivos para transporte refrigerado, visando atender às necessidades de nossos clientes do segmento de fruticultura e demais que exijam soluções em refrigeração e logística.  Verifique nossa linha de transportes refrigerados e solicite seu orçamento!

 

Nós
queremos
ouvir você

Nós queremos ouvir você
Ligue para
ENVIAR